Um Rei Chamado Virtuoso

“Oh Kashyapa! Qualquer pessoa que quebre os preceitos e que não proteja o Dharma Maravilhoso deve ser chamada de falso Monge. Alguém que mantenha estritamente em observância as regras (monásticas), não ganha tal designação (falso). Oh bom homem! No passado, há inumeráveis, ilimitados asamkhyas de kalpas atrás, apareceu nesta cidade de Kusinagara um Buda que era Merecedor de Ofertas, Todo-Iluminado, Plenamente Realizado, Bem Aventurado que Conhece o Mundo, Grande Mestre Insuperável, Mestre dos Céus e da Terra, Buda, Honrado pelo Mundo, e cujo nome era ‘Tathagata do Aumento da Alegria e Benefícios’. Naquela ocasião, o mundo era amplo e gloriosamente puro, rico e pacífico. As pessoas estavam no auge da prosperidade e nenhuma fome era sentida. Elas pareciam Bodhisattvas da Terra da Paz e da Felicidade. Aquele Buda, Honrado pelo Mundo, permaneceu no mundo por uma inumerável extensão de tempo. Tendo instruído as pessoas, ele entrou no Parinirvana entre duas árvores sala.

Após o Buda ter entrado no Nirvana, seu ensinamento permaneceu no mundo por incontáveis bilhões de anos e na última parte dos últimos quarenta anos os ensinamentos Budistas ainda não haviam desaparecido. Naquela ocasião, havia um Bodhisattva chamado ‘Virtuoso Iluminado’, que mantinha bem os preceitos e era cercado por muitos dos seus parentes. Ele emitiu o rugido do leão e pregou todos os nove tipos de sutras. Ele ensinou dizendo: ‘Não possuam empregados, sejam homens ou mulheres, vacas, carneiros ou o que quer que possa ir contra os preceitos’. Naquela ocasião havia muitos Monges que estavam agindo contrariamente aos preceitos. Ouvindo isto, eles conspiraram e vieram para cima desse Monge brandindo espadas e bastões. Naquela ocasião, havia um Rei chamado ‘Virtuoso’. Ele ouviu sobre isto. Para proteger o Dharma, ele veio para onde o Monge estava proferindo o seu sermão e lutou contra os malfeitores de tal forma que o Monge não sofresse. O rei, todavia, foi ferido em todo o seu corpo. Então o Monge Virtuoso Iluminado elogiou o rei, dizendo: ‘Bem feito, bem feito, oh Rei! Você é uma pessoa que protege o Dharma Maravilhoso. Nos dias que virão, você se tornará um insuperável utensílio do Dharma’. O rei ouviu seu sermão e regozijou-se. Então, ele morreu e nasceu na terra do Buda Akshobhya e tornou-se seu principal discípulo. Os subalternos deste rei, seus parentes e soldados eram todos felizes e não retroagiam no seu Bodhichitta. Quando veio o dia de sua partida do mundo, eles nasceram na terra do Buda Akshobhya. Na ocasião em que o Dharma Maravilhoso estava prestes a se extinguir, eles puderam agir e proteger um Dharma como este. Oh Kashyapa! Aquele que protege o Dharma Maravilhoso é recompensado com tal incalculável fruição. Esse é o porquê de hoje eu adornar meu corpo de várias formas e de ter alcançado perfeitamente o indestrutível Corpo-do-Dharma.”

O Bodhisattva Kashyapa ainda disse ao Buda: “Oh Honrado pelo Mundo! O corpo eterno do Tathagata é aquele esculpido em pedra, tal como ele era.”

O Buda disse a Kashyapa: “Oh bom homem! Por esta razão, Monges, Monjas, Leigos e Leigas devem todos se esforçar mais e proteger o Dharma Maravilhoso. A recompensa pela proteção do Dharma Maravilhoso é extremamente grande e inestimável. Oh bom homem! Em razão disto, os leigos que protegem o Dharma deveriam pegar espadas e bastões e protegê-lo como um Monge que guarda o Dharma. Mesmo que uma pessoa mantenha em observância os preceitos, não podemos chamar aquela pessoa de alguém que protege o Mahayana. Mesmo que uma pessoa ainda não tenha recebido os cinco preceitos, se ela protege o Dharma Maravilhoso, tal pessoa pode perfeitamente ser chamada de alguém que protege o Mahayana. Uma pessoa que protege o Dharma Maravilhoso deveria pegar espadas e bastões e defender os Monges.”

Excerto do Sutra do Nirvana, CAP. 5: Sobre o Corpo Adamantino.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: