O Trono do Tathagata

“Então, o Buda Shakyamuni, vendo que em suas emanações estavam todos reunidos ali, cada qual sentado num trono de leão, e ouvindo que todos os Budas juntos desejavam que a Torre de Tesouro fosse aberta, imediatamente alçou-se do seu assento ao espaço vazio. Todos os presentes na Assembleia dos Quatro Tipos de Crentes levantaram-se, juntaram as palmas das suas mãos e em pensamento único contemplaram o Buda.

Então, o Buda Shakyamuni, usando o seu indicador direito, abriu a porta da Torre dos sete tesouros emitindo um grande som como o de uma tranca sendo removida de um grande portão de uma cidade. Dessa forma, todos os presentes na assembleia puderam ver o Tathagata Muitos Tesouros sentado sobre o trono de leão dentro da Torre de Tesouro, seu corpo íntegro e incorruptível como se estivesse em meditação (Samadhi) Dhyana. Eles também lhe ouviram dizer: ‘Excelente! Excelente! Buda Shakyamuni! Pregue logo o Sutra da Flor de Lótus da Lei Maravilhosa! Eu vim aqui para ouvir este Sutra‘!

A Assembleia dos Quatro Tipos de Crentes, vendo um Buda que passou à extinção há ilimitados milhares de miríades de milhões de kalpas falar dessa maneira, louvou-o como algo sem precedentes, espalhando feixes de preciosas flores celestiais sobre este Buda Muitos Tesouros e sobre o Buda Shakyamuni.

O Buda Muitos Tesouros, na Torre de Tesouro, ofereceu metade do seu assento ao Buda Shakyamuni dizendo: “Buda Shakyamuni, poderia tomar este assento”? O Buda Shakyamuni, então, adentrou a Torre de Tesouro e sentou-se na posição do lótus aberto sobre a metade daquele assento.

Na grande assembleia, vendo os dois Tathagatas sentados na posição do lótus aberto sobre o trono de leão no interior da Torre de Tesouro, todos tiveram esse pensamento: ‘Os Budas encontram-se sentados tão altos e distantes. Gostaríamos que o Tathagata usasse o poder das suas penetrações espirituais e permitisse-nos a todos residir no espaço vazio’. O Buda Shakyamuni, então, usou seus poderes espirituais e alçou toda a assembleia no espaço vazio. Com uma poderosa voz, ele dirigiu-se à Assembleia dos Quatro Tipos de Crentes dizendo: “Quem, neste mundo Saha, poderá amplamente expor este Sutra da Flor de Lótus da Lei Maravilhosa? Agora é o tempo apropriado, porque o Tathagata em breve entrará no Nirvana. O Buda deseja legar o Sutra da Flor de Lótus da Lei Maravilhosa”.

Buda Shakyamuni no Capítulo XI – O Aparecimento da Torre de Tesouro. Anteriormente, no Capítulo X – Os Mestres da Lei, o Buda, em sua preleção sobre ‘entrar no quarto do Tathagata, vestir o robe do Tathagata e sentar no trono do Tathagata’, afirmara que essa última condição (sentar no trono do Tathagata) significava residir no espaço vazio, como notavelmente o faz nesta passagem, inclusive alçando toda a Grande Assembleia.

Por muccamargo

Físico, Mestre em Tecnologia Nuclear USP/SP-Brasil, Consultor de Geoprocessamento, Estudioso do Budismo desde 1987.

Deixar um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: