Reaprendendo Falar

21/09/2018

Bom dia! Hoje, recebemos instruções da Fisioterapeuta sobre como Dôra exercitar a fala através da oclusão da válvula da traqueostomia. Sua voz saiu vigorosa e altiva, como aqueles que a conhecem sabem. Só alegria! Imaginem o que ela não tem de fala estocada? Outra coisa importante é que a sonda deverá ser retirada, poupando-a de mais esse incômodo. São passos decisivos no caminho de volta para casa. Por essa razão, espero que todos tenhamos um ótimo final de semana. Bom dia!

Construindo Milagres

20/09/2018

Em 18/09/2018, Dôra reiniciou o processo de “desmame” novamente, isto é, respirar por períodos mais prolongados sem auxílio de aparelhos. Isto teve sequência ontem, 19/09, com sucesso. Hoje, o período será prolongado de 6 para 8 horas. Como sabem, houve uma primeira tentativa, ainda no CTI, frustada por algumas intercorrências inesperadas. Paciência. O importante é que a encontrei com bom aspecto e um notável desinchaço. Até mesmo milagres devem ser construídos através de ações meritórias, porque do nada, nada virá. Convido todos a mentalizarem e meditarem sobre as muitas ações meritórias da nossa querida Dôra, e o que todos almejamos se realizará. Bom dia!

A Cidadela

16/09/2018

A Cidadela

Oh ORROZ, não se escapa daquela cidadela. É um lugar sem sê-lo, é onde se promiscuem os rebaixados do mundo com suas visões distorcidas, é onde se comprimem os corpos emaciados dos injustos, iníquos, descrentes, fariseus e indolentes; tudo num mesmo lugar que não é lugar algum. Lá, todos os maus odores se misturam, não há luz, resvala-se o tempo todo no que é asqueroso. Ouve-se um borbulhar de águas ferventes subterrâneas, um sentimento de aversão ao passado nos assombra, e nada se vê além de um abismo. Não há escadas para galgar o profundo abismo, ou para descer da vacuidade das alturas alçadas pelas ilusões do Mundo Tríplice. Já estive lá! Sonha-se com a fuga daquele lugar, mas já não há um ‘eu’ que possa escapar.

Em 19/02/2014, no “O Diário de um Tolo”.

O “Ar”

16/09/2018

Bom dia! Ontem, quando cheguei ao hospital à tarde, o dreno do tórax da Dôra havia sido retirado. Fiquei feliz demais, demos mais um passo. Hoje pela manhã a encontrei com um ótimo aspecto, difícil de explicar, antigamente falava-se “ar”. Pois bem, ela está com um “ar” bom, entendem?

Bom, vamos aproveitar o final de semana para traçar planos. Sugiro usarmos de ousadia, pois as coisas boas estão disponíveis no Universo. Somente precisamos aprender a capturá-las (p.s. Assim é o “ar” de uma pessoa). E quando nos unimos em torno de um único propósito, nossas forças se multiplicam. No japonês dizemos “Itai Doshin”, que significa “muitos corpos, uma só mente”. Vamos? Bom dia!

Esforço e Superação

15/09/2018

Esforço e Superação

Bom dia! Dôra encontra-se estável para melhor, porque a drenagem do tórax tem evoluído tanto em redução do volume quanto em aspecto do líquido drenado; e seu intestino funcionou de ontem para hoje. Eu estava apreensivo com uma prisão de ventre que ela teve nos últimos dois dias. Está bem humorada, alimentando-se bem, e tudo indica que superaremos essas dificuldades. Peço o apoio de todos no envio de boas energias para ela, que tudo tem feito para responder aos nossos anseios de vê-la curada. Obrigado e bom dia!

Os Ventos de Tatsunokuti

11/09/2018

Os Ventos de Tatsunokuti

Boa noite!

Informo a todos, em particular ao grupo que esteve reunido na noite de 10/09/2018 na casa da Dôra que, a partir de 12/09/2018, estarão suspensas as intervenções que vêm sendo feitas no sentido de executar as adaptações necessárias para seu acolhimento durante o período de sua recuperação.

Sugiro que esse grupo deva assumir de imediato toda a coordenação das obras, pois que o tempo é exíguo. Estarei à disposição para as informações que possam ser necessárias para o bom andamento dos trabalhos, e desejo a todos boa sorte na empreitada.

Mudança da Guarda

10/09/2018

Bom dia! Dôra teve um problema pulmonar que se acentuou no final de semana, e teve que ser colocado um dreno na noite passada. Seu estado é delicado, inspira cuidados, mas ela está confiante e eu também. Sem muito a dizer, peço a todos que renovem suas intenções de uma rápida recuperação para ela, pois isso vem retardar a realização de nosso único e principal objetivo: voltar para casa.

Conto com vocês. Bom dia!

A Carruagem Avança

06/09/2018

Bom dia! Dôra está bem, já há três dias (hoje será o quarto) com a alimentação via sonda suspensa, alimentando-se apenas via oral. Deveria até começar hoje a ingerir alimento sólido (pão), mas a médica decidiu deixar para segunda-feira em virtude do feriado. Não gosto de feriado, ainda mais quando se trata da comemoração de uma lorota. Mas, o que interessa é o que eu disse para ela: “A Carruagem Avança!” Vamos juntos? Bom dia!

A Cura Supramundana

04/09/2018

Bom dia! Encontrei Dôra hoje com um aspecto excelente. Sei lá! Difícil traduzir em palavras. Além disso, ela me disse o seguinte: “Estou curada!” Não me atrevo a tentar alcançar a profundidade do significado dessa frase, porque o que está se passando por aqui, de há muito, ultrapassou as barreiras do cotidiano. Porém, o que interessa mesmo é que ela está caminhando a passos largos no caminho de casa, acredito. Viva! Bom dia!

Mas, há aqueles que ainda não Adoeceram

01/09/2018

Bom dia! Noite passada, após passar quase o dia inteiro com Dôra, saí do hospital e, ali em frente, fui ao Supernosso comprar algumas coisas. Queria me descontrair um pouco, pois o dia foi duro.

Ando comprando uns vinhos que guardo lá em casa, para quando Dôra voltar. É claro, vou fazer tudo escondido, sem quase ninguém saber. Então, peguei duas cervejas Backer e um chileno que conheço, o Rios, que estava em oferta por apenas R$ 27,00 mangos. Ah, vou pegar!

Quando cheguei ao caixa, a menina perguntou-me: “Você tem o clube Supernosso?” Eu disse, não! “Pois é moço, o desconto é para quem tem o clube Supernosso, senão esse vinho custa R$ 59,00 reais”. Falei: tudo bem, pensando que meu plano de tomar um vinho com a Dôra na volta para casa valia milhões de vezes isso.

De repente, a menina do caixa falou: “aguarda só um momento”! E eu tô lá colocando as duas cervejas e o vinho dentro de uma sacola, dessas retornáveis, que eu havia incluído na compra. Alguns segundos e a caixa me perguntou: “débito ou crédito?”. Respondi: débito. Quando olhei o display, estava lá R$ 54,00 reais e alguma coisa. Nunca fui esperto, e indaguei a caixa: “Você está cobrando só o vinho?”. A que ela respondeu: “Não! Essa moça, a que estava atrás de mim na fila, tem o clube Supernosso, e está pedindo para dar o desconto ao senhor.

Fiquei desconcertado. Por quê? Você conhece alguém que enxergue dignidade nas outras pessoas? E você sabia que respeito e amizade não se pede, ganha-se? Mesmo desconcertado, olhei para aquela pessoa e disse: Muito obrigado, moça! A sua gentileza é incomum nos dias de hoje. Muito obrigado!

Até agora, acho que fiz pouco, porque essa moça deve ter vindo de outro planeta. Mas, posso fazer mais anunciando a todos vocês que ainda há pessoas no mundo que não adoeceram, e que vale a pena continuar. A água está próxima. Bom dia!

« Older entries

%d blogueiros gostam disto: