Heroínas

29/09/2018

Sim! As mulheres são iguais aos homens, os quais não são iguais entre si, tampouco o são as mulheres, entre si.

Falo das Heroínas, falo da Dôra. Por quê? Porque ela, não obstante feminista, acolheu o amor de um homem muito diferente do seu próprio imaginário e, sozinha, abriu o grande portão de ferro do inferno das desigualdades e preconceitos, nos permitindo escapar para os campos da luta. Não me foi permitido alçar aquela caixa de despojos para a sepultura. Achei o gesto daquelas mulheres, simbolicamente, perfeito. Todavia, Dôra não estava presa ali. Ela escapou disso há muito tempo, e de há muito resplandece em nossos corações como a estrela do amor perfeito.

Agora, ela resplandece no Universo, porque estavam ali os Grandes Mestres do Dharma Maravilhoso, para cuja revelação no nosso querido Brasil, ela contribuiu demais, tornando-se protetora desse repositório materialmente residente em sua casa. Sim! Ela se inscreveu nos pergaminhos da Grande Lei, onde repousam os ditos dourados de todos os Budas das dez direções.

Perdoem-me os que assim não vêem, e também aqueles que nada vêem. Essa mensagem vem de longe, muito longe e, pasmem, vem de um Bodhisattva chamado Rei da Medicina, “Yakuo Bossatsu” em japonês; e também de “Guanshyin Bossatsu” em chinês, “Aryavalokiteshvaraya” em sânscrito. Este, com seus Samadhis encantadores e modos impressionantes, restituirá a Forma Perfeita de Dôra para sempre, despojando esse retrato de sofrimento ao qual se apegam os humanos, em geral.

Dôra vive. Onde? Em você! Boa noite!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: