Diamante

Exausto, esgotado, pulverizado pelo Diamante,

minúsculas partículas sem natureza própria.

Apenas a natureza do vento permanece:

inefável, sem substância real, o vento do Dharma Maravilhoso.

Poeira a dar umas voltas por aí.

2 Comentários

  1. 20/08/2013 às 11:47

    Mesmo que tenhamos sido reduzidos a mera partícula de pó, é preciso preservar a nossa essência.
    Há nessas cinco linhas, uma verdade que alimenta, emociona e faz refletir, dando norte ao que já esteve quase perdido.

    • 20/08/2013 às 20:20

      Guarde este poema em seu coração.

      Serra do Luar
      Walter Franco

      Amor, vim te buscar
      Em pensamento
      Cheguei agora no vento
      Amor, não chora de sofrimento
      Cheguei agora no vento
      Eu só voltei prá te contar
      Viajei…Fui prá Serra do Luar
      Eu mergulhei…Ah!!!Eu quis voar
      Agora vem, vem prá terra descansar

      Viver é afinar o instrumento
      De dentro prá fora
      De fora prá dentro
      A toda hora, todo momento
      De dentro prá fora
      De fora prá dentro
      A toda hora, todo momento
      De dentro prá fora
      De fora prá dentro

      Amor, vim te buscar
      Em pensamento
      Cheguei agora no vento
      Amor, não chora de sofrimento
      Cheguei agora no vento
      Eu só voltei prá te contar
      Viajei…Fui prá Serra do Luar
      Eu mergulhei…Ah!!!Eu quis voar
      Agora vem, vem prá terra descançar

      Viver é afinar o instrumento (de dentro)
      De dentro prá fora
      De fora prá dentro
      A toda hora, todo momento
      De dentro prá fora
      De fora prá dentro
      A toda hora, todo momento
      De dentro prá fora
      De fora prá dentro

      Tudo é uma questão de manter
      A mente quieta
      A espinha ereta
      E o coração tranquilo
      Tudo é uma questão de manter
      A mente quieta
      A espinha ereta
      E o coração tranquilo
      A toda hora, todo momento
      De dentro prá fora
      De fora prá dentro
      A toda hora, todo momento
      De dentro prá fora
      De fora prá dentro


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: