Pérolas do Universo – Fascículo 10

“É difícil nascer como humano. Isto pode ser comparado ao desabrochar da flor de Udumbara. Mas agora o alcancei [isto é, o estado de um ser humano]. É difícil encontrar o Tathagata, mas agora o encontrei. É difícil ver e ouvir o tesouro prístino do Dharma, mas agora o ouvi. Isto é como acontecer de uma tartaruga cega encontrar um buraco num pedaço de madeira flutuante. A vida é muito mais breve e fugaz do que a água corrente de um córrego da montanha. Vive-se hoje, mas não se pode ter a certeza do amanhã. Como alguém pode abandonar o seu pensamento por aquilo que está errado? O auge da vida se esvai tão rapidamente quanto um cavalo galopante. Como pode alguém depender [do que é transitório] e ser arrogante? É como a situação onde um demônio senta-se à espera da realização das ações erradas por um humano. É o mesmo com os demônios dos quatro grandes elementos. Eles sempre vêm e procuram por alguma falha de alguém. Como pode alguém oferecer oportunidade para as más sensações?”

Leia mais em Pérolas do Universo – Fascículo 10.

pearls of universe 10.mp3

Perolas do Universo 10

Click na imagem para leitura on-line ou download

Conteúdo deste Fascículo:

A Tartaruga Cega e o Tronco Flutuante  3

As Serpentes Venenosas dos Quatro Elementos  3

Simpatia Fingida 5

O Corpo e a Mente do Bodhisattva  5

A Purificação das Terras Búdicas – Primeira Oração   8

A Purificação das Terras Búdicas – Segunda Oração   9

A Purificação das Terras Búdicas – Terceira Oração   9

A Purificação das Terras Búdicas – Quarta Oração   10

A Purificação das Terras Búdicas – Quinta Oração   10

A Purificação das Terras Búdicas – Sexta Oração   11

A Purificação das Terras Búdicas – Sétima Oração   12

A Purificação das Terras Búdicas – Oitava Oração   12

A Purificação das Terras Búdicas – Nona Oração   13

A Purificação das Terras Búdicas – Décima Oração   13

A Terra Pura de Todos os Budas  14

O Samadhi Diamante  15

A Gema Mais Soberba  16

Como a Chuva da Primaveril  16

O Poder da Transformação   17

A Voz, a Cor e o Caminho   18

Por Que Dizemos Samadhi Diamante?  19

O Bom Mestre da Via  19

Encontro com o Bom Mestre da Via  20

Audição e Prática 21

Por Que Bons Mestres da Via  22

Por Que Bons Médicos  22

Doce Chuva do Dharma  23

O Bom Amigo do Via  24

Dar Ouvido ao Dharma  25

Pensar Sobre o Dharma  25

Praticar a Via de Acordo com o Dharma  27

A Fase do Nirvana  28

A Fase da Natureza de Buda  28

A Fase do Tathagata  29

A Fase do Dharma  29

A Fase do Sacerdote  30

A Fase do Estado Real  30

A Fase do Vazio   31

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: