A Semeadura de um Bodhisattva

Um Bodhisattva que se compromete a empreender práticas que sejam meritórias e virtuosas deve proceder sem hesitação para fazer aquilo. Sementes plantadas no campo proverão no futuro uma colheita. Não há benefício na especulação sobre o tamanho da safra. A atenção deve somente estar voltada para o plantio e cultivação do campo. Se cuidados forem tomados e as condições da terra, água e vento forem favoráveis, então as plantas crescerão. Se o campo nunca for plantado, porém, nenhuma produção poderá ser esperada. Apenas daquela maneira um Bodhisattva conduz seres viventes à travessia para a outra margem, sem realmente conduzir qualquer ser vivente à travessia. Um Bodhisattva não despende energia preocupando-se com o resultado, ele apenas faz seu trabalho.

Sutra Diamante – Capítulo 18 – Uma Substância Considerada como Idêntica.

Original

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: