Além da Forma e Além das Marcas

Sutra:

“Subhuti, o que você pensa? O Tathagata pode ser visto na perfeição de sua forma física?”

“Não, Honrado pelo Mundo. O Tathagata não pode ser visto na perfeição de sua forma física. E por quê? A perfeição da forma física é pregada pelo Tathagata como nenhuma perfeição da forma física, porquanto é chamada perfeição da forma física.”

“Subhuti, o que você pensa? O Tathagata pode ser visto na perfeição das (suas) marcas (distintivas)”?

“Não, Honrado pelo Mundo. O Tathagata não pode ser visto na perfeição das marcas. E por quê? A perfeição das marcas é pregada pelo Tathagata como nenhuma perfeição das marcas. Porquanto é chamada perfeição das marcas.”

Comentário:

Perfeição refere-se ao corpo de retribuição integral, que é um outro nome para a forma física do Tathagata.

Subhuti disse que não se deve confiar nas marcas para discernir o Tathagata. Por quê? Por que o corpo de retribuição e o corpo de transformação não são o corpo do dharma genuíno do Tathagata. A perfeição da forma física da qual o Tathagata fala é um falso nome e nada mais, mas aqueles que se tornam apegados veem-no como verdadeiro e real; assim, do ponto de vista da verdade comum, a perfeição da forma física existe.

Como nenhuma perfeição da forma física. Do ponto de vista da verdade real, é nenhuma perfeição da forma corporal. Porquanto é chamada perfeição da forma física. Apenas quando pregada do ponto de vista do Caminho Médio é que existe a falsa designação chamada “perfeição da forma física”.

O Buda então perguntou a Subhuti se o Tathagata poderia ser visto através das trinta e duas marcas (distintivas). A forma física refere-se à aparência geral. Marcas refere-se às marcas distintivas: as trinta e duas marcas distintivas e as oitenta características menores de excelência.

Subhuti novamente respondeu que o Tathagata não poderia ser visto na perfeição das trinta e duas marcas. Por quê? O Tathagata pregou a perfeição das marcas, e aqueles que não podem transcender a verdade comum tomam-nas como sendo reais. Se visto à luz da verdade real, não há perfeição das marcas. Porquanto é chamada perfeição da forma física. Em última análise, o Tathagata fala do ponto de vista da verdade perfeita do Caminho Médio, meramente dando-lhe o nome de “perfeição das marcas”, e isto é tudo.

Sutra Diamante – Capítulo 20 – Além da Forma e Além das Marcas.

Original

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: