A Parábola da Pessoa Sedenta

Naquela ocasião, o Honrado pelo Mundo, desejando enfatizar o significado das suas palavras, falou em versos, dizendo:

“Se alguém deseja livrar-se da preguiça e da lassidão,
deveria ouvir este Sutra.
Este Sutra é difícil de ouvir,
e aqueles que o compreendem e aceitam-no também são raros.

É como uma pessoa sedenta e necessitada de água,
que procura por ela em terras altas,
e encontrando somente terra ressequida,
sabe que a água ainda está longe dela.
Em seus esforços, gradualmente,
aquela pessoa vai encontrando terra úmida e depois barro,
certificando-se de que a água está próxima.

Rei da Medicina, saiba que, da mesma forma,
aquelas pessoas que não ouviram o Sutra da Flor de Lótus da Lei Maravilhosa estão muito longe da sabedoria do Buda.
Aqueles que ouvem este profundo Sutra,
compreenderão completamente as Leis do Ouvinte.
Este é o Rei dos Sutras e,
se houver aqueles que, ao ouvirem-no, ponderem sobre ele,
saiba que tais pessoas estão próximas da sabedoria do Buda.

Excerto do CAP. 10: Os Mestres da Lei, pág. 210.

O Rei dos Sutras
Foto de Marcos Ubirajara. Local: sítio da Dôra em 17/05/2008.

%d blogueiros gostam disto: