O Segredo da Longa Vida

Então o Buda disse a Kashyapa: “Oh bom homem! Ouça claramente, ouça claramente! Eu agora lhe direi a causa da longevidade da vida do Tathagata. O Bodhisattva, através desta ação, ganha longa vida. Por esta razão, ouça-a com a sua melhor atenção. Tendo ouvido-a, fale a respeito dela para outros. Oh bom homem! Praticando assim, eu atingi o insuperável Bodhi. Eu, para o benefício de todos os seres, agora falo a respeito disto. Oh bom homem! Como um exemplo: um príncipe transgride as leis do estado e está encarcerado na prisão. O rei sente piedade dele e, subindo num palanquim, condena-se à prisão porque ama o príncipe. O mesmo ocorre com o Bodhisattva. Se ele deseja ter uma longa vida, ele deveria guardar e proteger os seres, considerá-los como se fossem seu filho único, e perseverar no grande amor, grande compaixão, grande alegria, e grande equanimidade. Também, ele deveria propagar-lhes o preceito de não-ferir e ensinar-lhes a praticar todas as boas coisas. Também, ele deveria deixar todos os seres perseverarem pacificamente nos cinco preceitos morais e nas dez boas ações. Além disso, ele deveria entrar nos reinos do inferno, fome, animalidade, e ira; e libertar todos os seres de onde quer que estejam sofrendo, emancipar aqueles ainda não emancipados, atravessar aqueles que ainda não alcançaram a outra margem, dar o Nirvana àqueles que ainda não o atingiram, e consolar a todos aqueles que vivem com medo. Agindo assim, o Bodhisattva ganha a longevidade da vida e uma imperturbável liberdade no conhecimento. E quando o fim chegar, ele ganhará vida nos elevados céus.”

Excerto do Sutra do Nirvana, CAP. 04: Sobre Longa Vida.

%d blogueiros gostam disto: