Ode ao Bodhisattva Guanshiyin

“Contemplador Verdadeiro, Contemplador Puro,
Contemplador com Ampla, Grande Sabedoria,
Contemplador Compassivo, Contemplador Amável,
devemos constantemente contemplá-lo com reverência!

Indestrutível luz pura,
sol da sabedoria que penetra a escuridão,
que pode impedir as calamidades do vento e do fogo,
como brilhas em todos os mundos!

Sua substância compassiva: como o trovão dos preceitos.
Sua intenção amável: como uma maravilhosa grande nuvem.
Ele faz chover o doce orvalho e a chuva do Dharma,
que extingue as chamas da aflição.

Em meio a uma contenda, quando visado com acusações,
ou quando alguém está aterrorizado no campo de batalha,
se ele evoca o poder do Bodhisattva Contemplador dos Sons do Mundo,
todos esses muitos inimigos se dispersarão e se retirarão.

Maravilhoso é o seu som, Contemplador dos Sons do Mundo.
Um som puro, um som como o da maré,
um som para além de todos os sons mundanos,
nós sempre o manteremos em pensamento.

Em pensamento após pensamento não teremos dúvida:
o Contemplador dos Sons do Mundo é puro e sábio.
Em tempos de sofrimento, agonia, perigo, e morte,
ele é nosso refúgio e protetor.

Repleto de todos os méritos e virtudes,
com seus olhos compassivos e amáveis contemplando os seres viventes,
ele é dotado de imensas bênçãos, ilimitadas como o oceano.
Portanto, deveríamos reverentemente adorá-lo”

Excerto do CAP. 25: O Portal Universal do Bodhisattva Guanshiyin (O Contemplador dos Sons do Mundo), pág. 399.

%d blogueiros gostam disto: