O Que São Bênçãos Condicionadas

Na seção anterior foi dito que os sábios do quarto fruto do Pequeno Veículo, os Bodhisattvas e os Budas não devem apegar-se às marcas, ou ter qualquer apego ao eu, aos dharmas ou à vacuidade. Eles devem ser completamente desapegados. Ao não ter apegos, eles obtêm o fruto do Estado de Buda, o adorno do Bodhisattva das Terras Búdicas, ou a certificação para o quarto fruto do Arhatship.

Suspeitando que haveriam pessoas que ainda apegar-se-iam à marca da doação, o Buda ainda disse a Subhuti: “Olhe para o Rio Ganges à sua frente, Subhuti. Suponha que todos os grãos de areia do rio pudessem ser contados. A areias do Rio Ganges são tão finas quanto a farinha – tão finas que uma partícula dessa areia não pode sequer ser vista a olho nu. Quantos grãos de areia você estimaria haver no rio? Você poderia dizer que mesmo a mais alta estimativa possível não expressaria a quantidade precisamente. Suponha, então, que cada grão de areia no Rio Ganges em si, se tornasse um Rio Ganges. Quantos Rios Ganges haveriam? Assim como você não pode calcular o número de grãos de areia no Rio Ganges, assim também, se cada grão se transformasse num Rio Ganges, o número de Rios Ganges seria imensurável. Então, se você ainda tentasse contar o número de grãos de areia em todos aqueles Rios Ganges, quão mais incalculável seria. Seria impossível conceber tal número.”

Subhuti diria: “Sou incapaz de conceber a multidão daqueles Rios Ganges, quanto mais falar dos grãos de areia neles. Assim, tudo o que posso dizer é muitíssimo.”

O Buda disse: “Eu vou lhe dizer claramente. Falarei a verdade. Suponha um homem, ou uma mulher, que tenha cultivado os cinco preceitos e as dez boas ações use as sete gemas precisosas que são ouro, prata, lápis-lazúli, cristal, madrepérola, pérolas vermelhas, e carnelian, suficientes para preencher três mil grandes sistemas de mil mundos iguais em número às areias de tantos Rios Ganges quantos aqueles ditos acima para fazer oferecimentos. Ele obteria muitas bênçãos?”

Numa seção anterior do sutra foi feita uma menção dos três mil grandes sistemas de mil mundos, mas não de tantos três mil grandes sistemas de mil mundos quanto os grãos de areia daquele incalculável número de Rios Ganges. A analogia (anterior) está sendo ampliada vários milhares de dezenas de milhares de vezes.

Subhuti disse que embora as bênçãos e virtudes oriundas da doação daquela quantidade das sete gemas preciosas fossem muitas, elas seriam a retribuição de bênçãos condicionadas, isto é, bênçãos e virtudes com resultados (quantificadas). Qualquer coisa condicionada eventualmente torna-se extinta, e a existência de resultados mantém uma pessoa atada a estados não-ultimados.

Sutra Diamante – Capítulo 11 – A Supremacia das Bênçãos Incondicionadas.

Original

A Supremacia das Bênçãos Incondicionadas

Sutra:

Subhuti, se houvesse tantos Rios Ganges quanto os grãos de areia que há no Rio Ganges, o que você pensa, seriam muitos os grãos de areia em todos aqueles Rios Ganges?”

Subhuti disse: “Muitos, Honrado pelo Mundo. Mesmo apenas os Rios Ganges já seriam incalculáveis, quanto mais os grãos de areia contidos neles.”

“Subhuti, Eu agora lhe falarei a verdade. Se um bom homem, ou uma boa mulher, usasse as sete gemas preciosas para preencher três mil grandes sistemas de mil mundos, iguais em número aos grãos de areia contidos em todos aqueles Rios Ganges, e oferecesse-lhes como doação, as bênçãos que ele ou ela obteria seriam muitas?”

Subhuti disse: “Muitas, Honrados pelo Mundo.”

O Buda disse a Subhuti: “Se um bom homem, ou uma boa mulher, recebesse e mantivesse mesmo que apenas um verso de quatro linhas deste sutra e pregasse-lhe para outros, suas bênçãos e virtudes superariam as bênçãos e virtudes da pessoa anterior.”

Comentário:

Esta parte do texto diz que bênçãos e virtudes que são destituídas de quantitativos (marcas) superam bênçãos e virtudes quantificadas; que bênçãos e virtudes não condicionadas superam bênçãos e virtudes condicionadas.

Sutra Diamante – Capítulo 11 – A Supremacia das Bênçãos Incondicionadas.

Original

O Grande Corpo de um Bodhisattva

Ele deve produzir aquele coração sem persistência em qualquer lugar. Ele deve, sem ter qualquer apego, produzir aquele coração. Ele não deve ter nenhum pensamento. Se você puder não ter nenhum pensamento, você não estará apegado a lugar algum. Se você puder não ter nenhum pensamento, você poderá produzir aquele coração sem persistência em qualquer lugar. O Buda usou um outro exemplo: “Suponha uma pessoa que tenha um corpo como o (Monte) Sumeru, o Rei das Montanhas… Aquele corpo seria grande?

Subhuti disse: “Muito grande”, mas adiante acrescentou: “É dito pelo Buda não haver corpo algum, porquanto é chamado um grande corpo”. O Monte Sumeru, embora grande, tem no entanto uma medida. Se você tem (o tamanho do) Monte Sumeru, você ainda tem uma medida. Se você conseguir não ter corpo, nada pode ser comparado a isto, e assim é chamado um grande corpo. Se há uma medida para ele, então o corpo não é realmente grande. Nenhum corpo, um corpo sem medida, este é realmente um grande corpo.

Sutra Diamante – Capítulo 10 – O Adorno das Terras Puras.

Original

A premonição de Jimi Hendrix

James Marshall Hendrix em “Somewhere”:

“But as far as I know, they may even try to wrap me up in cellophane and try and sell me”.

“Mas, até onde eu saiba, eles podem até tentar embrulhar-me num celofane e tentar vender-me”.

Eis que o fazem como dissera!

Cristal Perfeito – Ano VII

Os duendes de estatísticas do WordPress.com prepararam um relatório para o ano de 2012 de Cristal Perfeito.

Clique aqui para ver o relatório completo

Newer entries »

%d blogueiros gostam disto: