A História após Tien-t’ai

A escola de Tien-t’ai é a única das escolas do Budismo Chinês que deriva seu nome de seu centro geográfico (Monte Tien-t’ai) e não de uma escritura central (como no caso da escola Hua-yen) ou do seu método de prática (como no caso da Ch’na ou Terra Pura). Isto lhe deu uma medida de estabilidade… Continuar lendo A História após Tien-t’ai

Avalie isto:

A Doutrina das Três Verdades de Tien-t’ai

Chih-i sentia alguma insatisfação com a análise metafísica essencialmente negativa dos ensinamentos do Madhyamaka (como é visto pelo fato de que, nos ‘Cinco Períodos’ do seu esquema de classificação doutrinária, o período do Prajñā-pāramitā não é o período final). Assim, Chih-i propôs as Três Verdades: as verdades da vacuidade (śūnyatā), transitoriedade, e (caminho) médio. Chih-i… Continuar lendo A Doutrina das Três Verdades de Tien-t’ai

Avalie isto:

O Sistema de Meditação de Tien-t’ai

Chih-i e seu mestre Hui-ssu, ambos eram mestres de meditação, e dois dos trabalhos de Chih-i, o Mo-ho chih-kuan (Grande Quietude e Contemplação) e Hsiao chih-kuan (Pequena Quietude e Contemplação) pegam um grande número de métodos de meditação e os sistematizam. Embora uma exposição completa desses métodos esteja para além do escopo desse trabalho, deve-se… Continuar lendo O Sistema de Meditação de Tien-t’ai

Avalie isto:

O Sistema de Classificação Doutrinária de Tien-t’ai

Tien-t’ai (Chih-i) é conhecido por três aspectos inovadores: seu sistema de classificação doutrinária, seu sistema de meditação altamente articulado, e sua doutrina das Três Verdades. Um dos problemas com os quais Chih-i relutava era o de dar sentido à massa desordenada de textos Budistas que haviam sido traduzidos para o Chinês até o final do… Continuar lendo O Sistema de Classificação Doutrinária de Tien-t’ai

Avalie isto: