A Apreensão do Significado

“Dizemos ‘significado’. ‘Significado’ significa ‘estar satisfeito’. Isto quer dizer nunca, até o fim, enganar (fraudar) procurando demonstrar pureza de comportamento e com arrogância mostrar-se como sendo de uma alta posição, e assim buscar avidamente o lucro. Além disso, não se deve mostrar apego àquilo que o Tathagata diz por razões de conveniência. Isto é alcançar o significado. Se uma pessoa reside nisto, então podemos dizer que essa pessoa reside no ‘Paramartha-Satya’ [Realidade Última]. Esse é o porquê dizermos que nos baseamos no significado dos sutras e não na não-apreensão do significado.

Não-apreensão do significado relaciona-se àquilo que está estabelecido nos sutras dizendo que tudo pode ser extinto, tudo é não-eterno, tudo é sofrimento, tudo é vazio, e tudo é destituído do eu. Isto é não-apreensão do significado. Como assim? Porque essa pessoa não está apta a apreender o significado intentado, mas somente a aparência [literal] do significado. Isto leva todos os seres a cair no inferno Avichi. Por quê? Em razão do apego, como um resultado de que a pessoa não apreende o significado. Uma pessoa diz que tudo caminha para a extinção implicando que a entrada do Tathagata no Nirvana constitui extinção. Uma pessoa diz que tudo é não-eterno, significando que mesmo o Nirvana é não-eterno, e o mesmo se passa com o sofrimento, o vazio, e o não-eu também. É por isso que dizemos que isso é não-apreensão da essência dos sutras. Não podemos seguir isso.”

Excerto do Sutra do Nirvana, CAP. 08: Sobre os Quatro Fidedignos.

%d blogueiros gostam disto: